Deputada Lucinha

Bope faz operação no Rio de Janeiro após sequestro de deputada estadual

Deputada Lucinha foi liberada na Vila Kennedy, no Rio de Janeiro

acessibilidade:
Deputada foi sequestrada no fim de semana (Foto: reprodução/acervo pessoal)

O Batalhão de Operações Especiais (Bope) deflagrou na manhã desta segunda-feira (02) uma operação para prender criminosos envolvidos no sequestro da deputada estadual Lucinha, eleita pelo PSD do Rio de Janeiro.

A operação ocorre na Vila Kennedy, no entorno da favela do Congo, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Há relatos de troca de tiros, mas sem informações sobre prisões ou feridos. Escolas da região cancelaram as aulas de hoje e parte do comércio está fechada.

O sequestro da parlamentar ocorreu neste fim de semana, quando Lucinha estava em um sítio com a família. A propriedade foi invadida pelos criminosos para roubar carros.

Durante o crime, os bandidos reconheceram a deputada, que foi obrigada a dirigir o próprio carro até a UPA de Vila Kennedy. Lucinha foi liberada logo em seguida.

Em um comunicado nas redes sociais, a equipe da parlamentar informou que a deputada estava bem e em segurança.

 

 

Reportar Erro