Detalhes que irritam

Lula critica ‘grosserias’ de Bolsonaro, mas é agressivo com repórter

Repórter quis saber mais sobre contrato que pode ultrapassar os R$3,5 bilhões

acessibilidade:
Lula responde grosseiramente a repórter que pediu detalhes de contrato

Durante entrevista coletiva na Argentina, o presidente Lula deu uma resposta grosseira a um repórter brasileiro que quis saber mais detalhes sobre o contrato de empréstimo que o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve celebrar com a Argentina.  O repórter quis saber se o empréstimo abrangeria a contratação dos serviços do gasoduto ou só a compra dos equipamentos.

Se eu soubesse tudo o que o repórter quer saber, eu seria ministro da Fazenda e não o presidente da República“, disse Lula.

A resposta “atravessada” gerou mal estar na coletiva, já que ninguém entendeu a rispidez de Lula ao responder uma dúvida genuína do profissional.

O contrato entre os dois países deve ter valor astronômico, ultrapassando R$3 bilhões. No ano passado, já após a vitória de Lula, autoridades argentinas deram declarações que o contrato seria algo próximo a US$ 689 milhões (o equivalente a R$ 3,5 bilhões em cotação atual).

A má resposta de Lula foi minutos após o petista pedir desculpas pelo que ele classificou como “grosseria” que foi cometida pelo ex-presidente Jair Bolsonaro ao povo argentino.

Esta não é a primeira vez que Lula tem comportamento grosseiro. Durante a campanha eleitoral, em um debate, Lula foi flagrado destratando o fotógrafo pessoal Ricardo Stuckert.

Stuckert orientava o então candidato sobre o melhor posicionamento e como se comportar diante das câmeras. Foi quando ouviu de Lula: “Stuckinha, você não sabe porra nenhuma”.