Mais Lidas

Tributos

Votação sobre suspensão de valor adicional do IPTU é adiada

Os vereadores querem suspender a cobrança adicional

acessibilidade:

A votação que definiria se a cobrança adicional do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) seria anulada foi adiada na Câmara de Vereadores de Goiânia. Segundo um grupo de parlamentares, a prefeitura fez o cálculo do valor sem observar os quesitos necessários previstos em lei. O líder da administração municipal na Casa, Carlos Soares (PT), pediu mais tempo para análise do projeto.

A cobrança extra foi feita de todos os donos de imóveis que fizeram alguma construção ou ampliação na residência ou comércio e não comunicaram a prefeitura. O mapeamento foi feito por meio de fotos aéreas e satélites. O prazo para pagar o tributo terminou no dia 27.

Os vereadores querem suspender a cobrança adicional. Segundo eles, um artigo diz que para cobrar o imposto é preciso avaliar as características da estrutura e o tipo de material usado por exemplo na cobertura, no piso e revestimento. Tais itens não são possíveis de serem analisados por fotos aéreas. O decreto legislativo foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e seria votado em plenário.