Batalha contra covid-19

Vacinação em Maceió reinicia com 31 anos e alcança 29 anos no sábado

Imunização com primeiras doses recomeçou hoje, com Corujão em quatro pontos

acessibilidade:
Vacinação contra a covid-19 em Maceió. Foto: Prefeitura de Maceió

O prefeito de Maceió, João Henrique Caldas, o “JHC” (PSB), anunciou nesta quarta-feira (28) o novo calendário de vacinação contra a covid-19. A capital alagoana recebeu nesta tarde mais 29.875 doses enviadas pelo Ministério da Saúde. E retoma imediatamente a aplicação da primeira dose, passando a contemplar com a imunização as pessoas com 31 anos. Na sexta (30), a vacinação avança para pessoas de 30 anos e, no sábado (31), serão incluídas as pessoas com 29 anos.

“Prepara o braço, turma! Baixamos as idades pra vacinar contra a Covid-19. Chegou vacina, a gente aplica. O corujão funciona nos shoppings Maceió e Pátio e nos drives da Justiça Federal e Jaraguá [das 9h] até 21h”, avisou o prefeito JHC, ao anunciar nas redes sociais as novas idades para vacinação.

O Corujão da Vacina funciona nos drive-thrus da Justiça Federal e do Estacionamento do Jaraguá e nos shoppings Maceió e Pátio. Os outros quatro pontos fixos de vacinação funcionam na Praça Padre Cícero (Benedito Bentes), Papódromo (Vergel), Terminal do Osman Loureiro e Ginásio Arivaldo Maia (Jacintinho) das 9h às 16h.

A administração da segunda dose prossegue em todos os pontos de vacinação, assim como a primeira dose para os demais públicos prioritários que ainda não iniciaram o calendário vacinal.

Confira a documentação necessária para se vacinar

Para receber a primeira dose da vacina, os usuários devem apresentar documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência (original e cópia).

As gestantes deverão apresentar, além destes documentos, prescrição médica e comprovante de estado gestacional, que pode ser feito com o Cartão de Acompanhamento da Gestante/Pré-natal. As puérperas devem apresentar documentos de identificação, CPF, comprovante de residência, prescrição médica e a declaração ou certidão de nascimento da criança.

Para a segunda dose, a pessoa deve apresentar apenas o documento de identificação e o cartão de vacinação. Quem tem a data da segunda dose da Astrazeneca marcada para até o dia 31 já pode tomar a vacina, cujo calendário foi antecipado no último sábado (24).

Quem perdeu o cartão pode solicitar a segunda via no posto onde tomou a primeira dose. Pessoas com deficiência visual que ao tomar a primeira dose tenham recebido o cartão convencional podem solicitar a substituição pelo cartão em braile no ponto onde forem tomar a segunda dose.

Também é possível conferir a situação das filas em cada um dos pontos por meio do filômetro. (Com informações da Secom Maceió)