CPI do MST

Salles pode negociar retirada de petista dos indiciados

Intenção do relator é fechar acordo com base governista para aprovar relatório

acessibilidade:
Relator da CPI do MST, Ricardo Salles (PL-SP) Foto: Lula Marques

Assessores e deputados ligados a CPI do MST fizeram circular a informação de que o deputado Valmir Assunção (PT-BA) pode sair da lista de indiciados através do relatório assinado pelo paulista Ricardo Salles (PL). O objetivo é costurar acordo pela aprovação do relatório.

Perguntado sobre essa possibilidade, o relator respondeu ao Diário do Poder:  “Só se for para aprovar[o relatório], sairia o indiciamento e não ele em si”.

Salles estaria disposto a negociar a retirada do indiciamento do petista, mantendo o detalhamento da denúncia.

As negociações seguem nessa terça-feira (20), véspera da leitura do relatório na Comissão, visando o fechamento de acordo com a base governista para aprovação dos demais indiciamentos.

Reportar Erro