Mais Lidas

Minas Gerais

Talude norte da mina de Barão de Cocais se movimenta 42 centímetros por dia

Preocupação é de que vibração causada seja suficiente para romper a barragem de rejeitos

acessibilidade:
Barragem da Vale em Barão de Cocais entra em alerta máximo para risco de rompimento. Foto: Google Maps

A Agência Nacional de Mineração informou que a velocidade de movimentação do talude norte, da mina Gongo Soco, da Vale, em Barão de Cocais segue na média de 42 centímetros por dia.

Até o momento não foi possível catalogar os deslocamentos em pontos isolados e permanece ainda a tendência de escorregamento do talude para o fundo da cava.

De acordo com o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, 27 militares estão na região da Barragem Sul Superior, de prontidão, com 10 viaturas.

Os militares envolvidos na operação vão fazer ainda neste domingo (2) um reconhecimento dos 07 pontos de encontro em Barão de Cocais.

A princípio, a preocupação com o desabamento do talude é de que a vibração causada seja suficiente para romper a barragem de rejeitos.

Caso isso ocorra, em cerca de cinco minutos o distrito de Barão de Cocais pode ser atingido.

O talude é um paredão que fica acima da cava de mineração na Mina de Gongo Soco, de onde é retirado o minério de ferro. (ABr)