Mais Lidas

Presencial e remoto

Sistema híbrido de aulas será adotado na rede pública de ensino do Distrito Federal

As turmas serão divididas e as aulas serão intercaladas entre remotas e presenciais

acessibilidade:
Desde o dia 12 de março as escolas estão fechadas Foto: Renato Araújo / Agência Brasília

O Governo do Distrito Federal (GDF) decidiu que vai implantar o sistema hibrido na rede pública de ensino, ou seja, as aulas ocorrerão de foma remota e presencial. A testagem dos profissionais de educação ocorrerá na segunda quinzena de agosto. Conforme informou a Secretaria de Educação nesta quarta-feira (12).

Pensando na integridade dos estudantes, as turmas serão divididas, metade dos estudantes terá aula presencial em uma semana e os demais pelo ensino remoto. Na semana seguinte, as turmas serão invertidas.

A retomada ocorrerá de forma gradual, os primeiros estudantes a retornarem serão os da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e da Educação Profissional, em 31 de agosto.  Na sequência, no dia 8 de setembro, será a vez dos alunos do  Ensino Médio.

No dia 14 de setembro, retornam os estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental; em 21 de setembro, voltam os anos iniciais. A Educação Infantil voltará apenas em 28 de setembro; para os centros de ensino especial, a Educação Precoce e as classes especiais, as atividades presenciais retornam em 5 de outubro.