Semana que vem

Secretária de Saúde estuda suspender cirurgias em dias de Jogos Olímpicos

Objetivo é deixar os centros cirúrgicos livres

acessibilidade:

Devido as partidas dos Jogos Olímpicos que vão ocorrer em Brasília no período de, 4 até 13 de agosto, a Secretaria de Saúde estuda a possibilidade de suspender os procedimentos cirúrgicos marcados para estas datas.

A pasta alega que a medida tem objetivo de deixar os centros cirúrgicos livres, “para rápida atuação em caso de catástrofe”. Informa também, que se a rotina hospitalar for alterada, as cirurgias poderão ser reagendadas para uma data mais próxima, na mesma unidade, ou remarcadas para o mesmo dia, em outro hospital da rede.

Mas garante que as consultas ambulatoriais serão mantidas, em horário normal, durante os dias de jogos, nos hospitais e centros de saúde.

Por meio de nota a secretaria ressalta que um Plano de Ação para os Jogos Olímpicos determina como a rede deve atuar em diversas situações, para garantir assistência á população em geral e aos torcedores que forem ao Estádio Nacional Mané Garrincha.

Segundo o plano o Hospital de Base será destinado ao atendimento de pessoas com quadro clínico de trauma. O Hospital Regional da Asa Norte, por sua vez, será destinado ao atendimento dos demais casos clínicos. O Hospital Regional de Taguatinga prestará apoio às duas unidades da região central de Brasília.