São Paulo

Indicação de Bolsonaro para vice de Nunes esfria candidatura de Salles

O deputado Ricardo Salles (PL-SP) contava com o apoio do ex-presidente Jair Bolsonaro para "ter sentido" concorrer nas eleições de SP

acessibilidade:
Indicação de Bolsonaro para vice de Nunes esfria candidatura de Ricardo Salles. (Foto:Evaristo Sá/AFP)

O ex-presidente Jair Bolsonaro durante uma live no último domingo (28) declarou que deve apoiar o atual prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB) na corrida pela Prefeitura de São Paulo. Tal declaração esfriou a pré-candidatura do deputado federal Ricardo Salles (PL-SP) que pode até desistir de concorrer, segundo aliados do parlamentar. 

Na transmissão ao vivo, Bolsonaro indicou que deve apoiar Nunes pela Prefeitura de São Paulo, seguindo a orientação de aliados que defendem essa aliança, como o presidente do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto, o governador de São Paulo Tarcísio de Freitas (Republicanos) e o advogado Fabio Wajngarten. 

O ex-presidente sinalizou que pretende indicar Ricardo Mello Araújo como vice Nunes. “Vamos entrar com bom vice, que tenha boa rota”, disse, sem citar o nome de Araújo, que foi chefe da Rota, batalhão especial da Polícia Militar de SP.

Salles declarou para o jornal Folha de São Paulo, não haver decisão sobre sua candidatura, elogiou Mello Araújo e voltou a criticar a gestão de Nunes. “Mello Araújo é um excelente nome, será a melhor escolha (para a vice). Acho que ele vai prender metade da prefeitura”, afirmou.

O deputado aguardava uma manifestação de Bolsonaro a respeito da sua posição na eleição de São Paulo, já que, para Salles, só faria sentido concorrer com o apoio do ex-presidente.

Reportar Erro