orientação do butantan

São Paulo aumenta intervalo das doses da CoronaVac para crianças

Prazo será dobrado, partindo de 14 dias para 28 dias de intervalo

acessibilidade:
Novo aditivo para compra de 2,6 milhões de doses será assinado em breve Foto: José Cruz/Agência Brasil

A Prefeitura de São Paulo vai ampliar o intervalo entre as doses da vacina CoronaVac para crianças de 6 a 11 anos, seguindo uma recomendação do Instituto Butantan. O prazo será dilatado de 14 para 28 dias.

Em nota, o Butantan afirmou que, “a Coordenaria de Vigilância em Saúde (Covisa) está reorientando todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) para que os retornos sejam sempre agendados após 28 dias da primeira dose. Já o intervalo entre a primeira e a segunda dose da Pfizer pediátrica é de 56 dias ou 8 semanas”.

O Ministério da Saúde estuda uma redução no prazo de espera entre as duas doses da vacina Pfizer, para todas o público infantil de 5 a 11 anos.

Os técnicos da pasta, apoiados pela possibilidade prescrita na bula do imunizante, sugerem que o intervalo entre as doses parta de oito para três semanas.

 

Reportar Erro