Mais Lidas

Mudança no texto

Rollemberg deve vetar projeto de eleição direta para administrador regional

Em vez de passar pelo crivo do Executivo, eleição será completamente direta

acessibilidade:

O projeto aprovado pela Câmara Legislativa que prevê a eleição direta para administrador regional deve ser vetado pelo governador Rodrigo Rollemberg. A matéria determinava que o Executivo escolheria entre os três mais votados em cada região administrativa.

A intenção de Rollemberg é que as eleições sejam completamente diretas, sem a necessidade do crivo do Executivo. A eleição direta para administradores regionais foi uma das promessas da campanha do atual governador de Brasília. A nova proposta deve ser encaminha à Câmara Legislativa, após o veto do governador.

Aprovado pela Câmara Legislativa

Em dezembro do ano passado, os distritais aprovaram o projeto de lei, de autoria do deputado distrital Chico Vigilante (PT), que regulamenta a escolha popular para as administrações regionais. O objetivo, segundo a Casa, é evitar indicações com viés estritamente político.

De acordo com o projeto de lei, o candidato deve ter pelo menos 25 anos, residir na região administrativa na qual pretende concorrer, não ter praticado algum ato que impeça sua eleição, não ter dívida ativa, não ter contas julgadas pelo Tribunal de Contas do DF ou da União, e não ter sido punido com demissão ou destituição de cargo público.

Reportar Erro