Mais Lidas

Pedido de aprovação

Rollemberg apresenta três projetos na CLDF

Alguns itens do Pacote de Medidas, anunciado na última semana, dependem da aprovação dos parlamentares para entrarem em vigor

acessibilidade:

O governador Rodrigo Rollemberg aproveitou o retorno dos deputados distritais ao trabalho e expôs, em plenário, os problemas vividos pelo Distrito Federal. Alguns itens do Pacote de Medidas, anunciado na última semana, dependem da aprovação dos parlamentares para entrarem em vigor. Rollemberg pediu compreensão e apresentou três medidas.

?O Pacto por Brasília pressupõe a ajuda de todas as instituições. Eu confio muito nesse espírito público dos deputados para aprovar essas e outras medidas que venham a contribuir para que a gente possa superar a crise, e o DF volte a viver em um ambiente de tranquilidade?, disse o governador.

No total, 21 medidas englobam o Pacto por Brasília. Caso entrem em prática, podem render cerca de R$ 400 milhões este ano. Cortes já são feitos, segundo Rollemberg, e tiveram impacto positivo em janeiro. ?As medidas que dependem do GDF, nós tomamos e vamos continuar tomando. Reduzindo cargos comissionados, secretarias e despesas de custeio?, garantiu. De acordo com o governador, em janeiro a economia foi de R$ 21,5 milhões.

Até a próxima semana, os parlamentares devem iniciar a apreciação dos projetos. ?Vamos ter que debater item a item. Temos projetos que aumentam alíquotas e alguns outros que as diminuem. Vamos ter que separar e pontuar para ver qual é a necessidade e o entendimento?, disse a presidente da Casa, Celina Leão (PDT).

Os três projetos encaminhados são referentes a medidas fiscais (mudanças em alíquotas tributárias: IPVA, IPTU e ITBI), renegociação de dívidas e Antecipação de Receita Orçamentária (empréstimo que, se aprovado o valor de R$ 300 milhões, será destinado à quitação de débitos atrasados).

Reportar Erro