Mais Lidas

Ato da CUT

Paralisação de rodoviários e trabalhadores terceirizados nesta sexta

Ônibus vão para a partir das 4h até às 8h da manhã

acessibilidade:

Devido ao ato organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), nesta sexta-feira (11) os rodoviários e trabalhadores terceirizados das escolas e hospitais vão parar.

A partir das 4 horas até às 8 horas da manhã, os ônibus de todo o Distrito Federal vão parar. Assessoria de imprensa das empresas de ônibus informa que não foram notificadas sobre o ato, e ficaram sabendo por meio das redes sociais.

Uma página no Facebook traz a informação da paralisação e alega que o ato é contra a PEC 241 “Não contra ao retrocesso e as perdas de direitos conquistados pelos trabalhadores”.

Os trabalhadores terceirizados da limpeza de hospitais e escolas públicas, juntamente com o pessoal da merenda escolar, também decidiram cruzar os braços. Eles alegam que vão parar pelo não recebimento do salário e tíquete alimentação que já deveria ter sido pagos no último dia 7 deste mês.

Está marcado um protesto, de várias categorias, na Praça do Buriti contra o governador Rodrigo Rollemberg (PSB).

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) é quem organiza o ato que vai ocorrer em várias regiões do país. Intitulado de “Dia Nacional de Greve” a central alega que é necessário lutar contra “um governo que tem em sua gênese um golpe parlamentar que derrubou a presidenta eleita Dilma Rousseff”.

Reportar Erro