Mais Lidas

Despedida

Morre, aos 73 anos, a jornalista Valéria de Velasco

Ela deixa três filhas, cinco netos e um bisneto

acessibilidade:

A jornalista Valéria de Velasco morreu na madrugada desta terça (17), aos 73 anos, vítima de um aneurisma na aorta abdominal, sofrida há 12 dias. Ela deixa três filhas, cinco netos e um bisneto.

Valéria de Velasco trabalhou no jornal Correio Braziliense na década de 1980 até os anos 2000. Em 2009, a jornalista foi convidada a assumir o posto de subsecretária da Subsecretaria de Proteção às Vítimas de Violência, na Secretaria de Justiça do Distrito Federal.

Depois de perder o filho Marco Antônio Velasco, espancado por uma gangue formada por jovens de classe média, Valéria criou o Comitê Nacional de Vítimas de Violência (Convive). Seu objetivo era defender a conscientização e a Justiça.