Mais Lidas

Segurança Nacional

Ministro manda PF investigar vazamentos de dados de Bolsonaro e outras autoridades

Os vazamentos das informações pessoais de todos os envolvidos ocorreram na noite de ontem

acessibilidade:
Para Mendonça, qualquer tentativa de interferência em investigações conduzidas pela corporação seria impensável em qualquer tempo. Foto: EBC

Os vazamentos de dados do presidente Jair Bolsonaro, seus familiares e de outras autoridades, serão investigados pela Polícia Federal (PF), conforme anunciou o ministro da Justiça André Mendonça nesta terça-feira (2), por meio de sua conta no Twitter.

 

 

 

 

 

 

Mendonça explicou que as investigações devem apurar crimes previstos no Código Penal, na Lei de Segurança Nacional e na Lei das Organizações Criminosas.

Um grupo de hackers, Anonymous, divulgou na noite de ontem (01), uma série de informações do presidente Bolsonaro, de seus filhos, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ),  do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-RJ), do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). Outras autoridades na lista dos hackers são, os ministros Abraham Weintraub,  da Educação, e a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos Damares Alves.

Reportar Erro