Mais Lidas

Linha de frente

Ministro anuncia vacina para bancários e funcionários dos Correios

Categorias entram como prioridade na vacinação contra Covid-19, mas as datas ainda não foram divulgadas

acessibilidade:
O anúncio foi feito no Palácio do Planalto ao lado de outros ministros, e dos presidentes da Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Correios Foto: Twitter

O ministro da Saúde, Eduardo Queiroga informou, nesta terça-feira (6), sobre a inclusão dos bancários e dos trabalhadores dos Correios entre os grupos prioritários na campanha nacional de vacinação contra a Covid-19.“Recebemos há cerca de três semanas uma demanda dos servidores, bancários e também dos Correios e Telégrafos para que eles fossem incluídos na categoria prioritária do Programa Nacional de Imunização (PNI)”.

Queiroga destacou que ambas atividades estão na linha de frente e que elaboraram relatórios sobre o adoecimento de profissionais, que foi submetido ao Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) e ao Conasems (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde).

Entretanto não foi divulgados os detalhes da vacinação. Segundo Queiroga a decisão do PNI foi técnica e uma nota será publicada na sexta-feira (9) com todas as orientações.

O ministro ressaltou que a data de vacinação, assim como todo esquema de inclusão das categorias nos calendários estaduais será responsabilidade de cada governador, tendo em vista que  estados e cidades, têm autonomia.

O anúncio foi feito no Palácio do Planalto ao lado de outros ministros, e dos presidentes da Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Correios.

Vídeos Relacionados