Mais Lidas

Começa a disputa

Maceió tem oito candidatos a prefeito e 214 a vereador

Paulo Falcão e Fernando do Village: diversificam luta em Maceió

acessibilidade:

Os números finais do registro de candidatos para a corrida eleitoral em Maceió surpreenderam pelo ingresso de mais dois nomes, do PSTU e PMN, na briga pela sucessão do prefeito Rui Palmeira (PSDB). Serão oito candidatos a prefeito, um a menos que em 2012. Mas foi na briga pelas 21 vagas de vereadores na capital alagoana que houve um fato ainda mais curioso: a redução drástica no número de candidatos, com relação à última eleição municipal. Serão apenas 214 candidatos, menos que a metade dos 522 que concorreram à Câmara de Maceió em 2012.

Ao final do prazo para a oficialização das candidaturas, além do tucano Rui Palmeira, que busca a reeleição, confirmaram registro na disputa pela Prefeitura de Maceió os candidatos Cícero Almeida (PMDB), Gustavo Pessoa (PSOL), João Henrique Caldas (PSB), Paulão (PT), Paulo Memória (PTC) e as novidades Paulo Falcão (PSTU) e Fernando José dos Santos, o Fernando do Village (PMN).

Quem é quem

Rui Palmeira é filho do ex-governador, ex-senador e ex-ministro do Tribunal de Contas da União Guilherme Palmeira. É o atual prefeito e já foi deputado estadual e federal. Na Assembleia Legislativa de Alagoas, combateu as ilegalidades do esquema investigado pela Operação Taturana.

Apoiado pelo presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB), Cícero Almeida é radialista, dirigiu táxi e foi repórter de televisão antes de ser vereador, deputado estadual e prefeito por dois mandatos. Atualmente está licenciado do mandato na Câmara dos Deputados.

João Henrique Caldas, conhecido como JHC, é filho do ex-deputado João Caldas e da ex-prefeita de Ibateguara, Eudócia Caldas. Foi deputado estadual e cumpre mandato como deputado federal. Ficou conhecido por denunciar a reedição do esquema da Taturana, em seu mandato na Assembleia Legislativa

Paulo Fernando dos Santos, o Paulão, foi vereador, deputado estadual por três mandatos e é deputado estadual e presidente do PT em Alagoas. Tem atuação ligada aos movimentos sociais, sindicais e de esquerda.

Paulo Memória disputou a última eleição, em 2014, o mandato de deputado federal pelo PEN, no Rio de Janeiro. Apoiado pelo senador Fernando Collor, o candidato do PTC também já disputou o cargo de prefeito do Rio de Janeiro, há 20 anos, pelo PSL e ficou na 10ª colocação.

Gustavo Pessoa é professor de história, filosofia e sociologia. Paulo Falcão também é ativista de esquerda e de movimentos sindicais. E Fernando do Village é líder comunitário do bairro que absorveu como “sobrenome”.

Até a publicação deste texto, somente os dados do candidato à reeleição, vereador Dudu Ronalsa (PSDB) estavam disponíveis para consulta no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A campanha foi autorizada a partir desta terça-feira (16), porém iniciada de forma tímida pelos candidatos. Cícero Almeida marcou caminhada na periferia, na Grota do Cigano. Rui Palmeira cumpriu agenda de vistoria de obras e marcou para as 20h45 um papo com eleitores em seu site www.rui45.com.br. E Paulo Memória se reúne com lideranças.

Os demais candidatos não tiveram contato com eleitores neste primeiro dia de campanha.

Reportar Erro