Mais Lidas

Ilegalidade na pandemia

Gabigol e MC Gui são detidos pela Polícia de SP em blitz que fechou cassino com 200 pessoas

Jogador do Flamengo e funkeiro responderão por crime contra saúde pública e jogos de azar

acessibilidade:
Jogador Gabigol e o funkeiro MC Gui detidos em cassino de São Paulo. Foto: Reprodução/Twitter Alexandre Frota

Um cassino de luxo na Zona de Sul São Paulo foi fechado pela Polícia Civil no início da madrugada deste domingo (14).

O flagrante da atividade ilegal de jogos de azar, proibidos no Brasil, resultou na condução à delegacia do jogador do Flamengo, Gabriel Barbosa, o “Gabigol”, e do funkeiro MC Gui, junto com cerca de 200 participantes do evento clandestino que ainda desrespeitou decreto estadual que veta festas e aglomerações durante a pandemia de covid-19. Na noite de ontem (13) o Brasil bateu novo recorde de mortes e internações por coronavírus.

A polícia relatou que Gabigol foi encontrado escondido embaixo de uma mesa do cassino. Todas as pessoas foram encaminhadas para a Delegacia de Crime contra a Saúde Pública, no Centro de São Paulo.

Elas assinaram termo circunstanciado, comprometendo-se a prestar esclarecimentos depois, e foram liberadas. E responderão por crime contra a saúde pública e jogos de azar.

Na madrugada de sábado (13), 500 pessoas foram a uma balada clandestina na região do Capão Redondo, também na Zona Sul.

Na sexta (12), a polícia parou uma balada com cerca de 150 pessoas no Tatuapé, na Zona Leste. Na quarta-feira (10), 158 pessoas foram detidas em uma festa ilegal às margens da Represa Billings, em São Bernardo do Campo, na região do ABC. Veja o flagrante registrado pelo deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP):

Quadro crítico ignorado

O estado de São Paulo está desde o dia 6 de março na fase vermelha da quarentena, a mais restritiva, para tentar conter o avanço da doença e evitar o colapso do sistema de saúde. E enfrenta um novo pico da pandemia de covid-19, com alta no número de casos e mortes.

Para tentar frear o avanço da doença, o governo estadual iniciará nesta segunda-feira (15) medidas da fase emergencial, com regras mais rígidas até 30 de março. Foram suspensas a realização de cultos, missas e outras atividades religiosas coletivas, além de todos os eventos esportivos, como jogos de futebol, e instituiu o toque de recolher das 20h às 5h. (Com informações do G1)

Vídeos Relacionados