Mais Lidas

Justiça

Ex-cabo, que foi deputado e vereador, vai a júri popular

Ele é acusado ordenar o sequestro e assassinato de um servente

acessibilidade:

O ex-cabo da Polícia Militar, ex-deputado estadual e ex-vereador de Maceió Luiz Pedro da Silva vai a juri popular no fim deste mês. Ele é acusado ordenar o sequestro e assassinato do servente de pedreiro Carlos Roberto Rocha Santos há 11 anos atrás.

Luiz Pedro nega a autoria do crime e se diz vítima de de perseguição política. Consta nos autos que ele foi ouvido pela autoridade policial pela primeira vez em 14 de setembro de 2004, como uma testemunha. Nessa ocasião afirmou que o pai da vítima teria recrutado uma pessoa chamada José Milton para encontrar alguém que executasse o crime.

O crime

O servente de pedreiro Carlos Roberto Rocha Santos foi sequestrado em uma residência localizada na rua Rnossa Senhora da Conceição, no bairro do Clima Bom, em Maceió. Quatro homens o levaram alegando que ele seria conduzido para a Delegacia de Repressão às Drogas.