Mais Lidas

Visão de mercado

Empreendedor faz sucesso com a venda de produtos de origem orgânica

À frente da Korin, Verinaldo conta com apoio do Sebrae-DF para crescer

acessibilidade:
Verinaldo Souza e sua loja Korim, com grande variedade de produtos.

Foi em meados da década de 1990 que o empresário Verinaldo Souza, hoje com 46 anos, começou a se empenhar diariamente para garantir que alimentos orgânicos chegassem com qualidade à mesa de milhares de brasilienses. Naquele tempo, no entanto, a missão do jovem nascido e criado no Piauí era desenvolvida na função de técnico em agropecuária da Korin, marca pioneira na criação de frangos sem o uso de antibióticos e no incentivo à produção orgânica no Brasil, e da qual Verinaldo, atualmente, é representante, distribuidor e também franqueado.

A unidade da franquia está localizada na Asa Norte e foi aberta em maio de 2014. Mas, antes dessa trajetória ser iniciada, o empenho de Verinaldo foi fundamental para que a produção orgânica ganhasse mais cada vez mais adeptos no Distrito Federal. O piauiense chegou na capital da República no ano de 1994, logo após se formar pela Universidade Federal do Piauí. Ele logo foi contratado pela Korin e por nove anos atuou em um propriedade rural localizada na região do Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal (PAD/DF), onde lidava diretamente com a produção de hortaliças, grãos, frutas e também com a criação de aves para o abate.

Em meio a esse período, Verinaldo, que tem suas origens fortemente ligadas à agricultura familiar, ajudou a realizar as primeiras feiras voltadas para a comercialização de produtos orgânicos no Plano Piloto. Partiu dele, inclusive, a ideia de realizar a Feira Orgânica Espaço Natural, criada em 2002, e que até hoje atrai centenas de brasilienses para as proximidades da Igreja Messiânica, na 315/316 Norte. “Era um segmento muito isolado. Não havia esses produtos nos supermercados, nem interesse algum nesse mercado, tampouco legislação a respeito e o pouco que era produzido aqui no Brasil seguia protocolos de outros países”, lembra.

Os esforços desempenhados pelo piauiense deram resultados e ainda em 2002 Verinaldo notou que a procura por alimentos cultivados seguindo os princípios básicos da agricultura orgânica – livres de adubos químicos, aditivos sintéticos e agrotóxicos – começou a aumentar. Coincidiu que, naquela mesma época, a Korin decidiu encerrar a produção orgânica que mantinha no DF. No entanto, Verinaldo ficou como responsável pela parte comercial da marca no DF e com o seu know how trazia produtos de outros estados e abastecia as feiras e os supermercados da cidade.

Percebendo que a procura por alimentos orgânicos estava cada vez mais em voga, o técnico em agropecuária decidiu abrir uma pequena loja para comercializar tais tipos de produtos e para isso contou com o apoio do Sebrae no Distrito Federal. “Busquei o Sebrae como parceiro. Desenvolvi a identidade visual dessa minha primeira loja, elaborei um plano de negócios, fiz meu planejamento financeiro e capacitei meus funcionários com esse proximidade”, conta Verinaldo.

O espaço foi oficialmente aberto em 2003 e ao longo dos anos foi sendo aprimorado, até que dez anos mais tarde a Korin formatou um projeto de franquia e Verinaldo prontamente abraçou a ideia, tendo a oportunidade de transformar sua pequena loja em uma franquia e assim conseguir tornar os produtos de origem orgânica ainda mais acessível para a população do DF.

Com a adequação ao novo modelo de negócio, o apoio do Sebrae no DF tornou-se ainda mais fundamental para Verinaldo. O empresário participou de missões técnicas e assim pôde conhecer práticas de cultivo orgânicas desempenhadas por cooperativas no estado de São Paulo e também ampliar sua visão de mercado em visitas à BioFach, considerada a maior feira dedicada a produtos orgânicos do mundo e que é realizada em Nuremberg, na Alemanha. Verinaldo e toda sua equipe também participaram de capacitações ofertadas pelo Sebrae voltadas para a área de vendas.

O empresário também participou do Clube de Negócios, solução desenvolvida pelo Sebrae no DF com a proposta de permitir a expansão de networking e o acesso a conhecimentos sobre temas relevantes para o mundo dos negócios.

Passados 18 anos, a diferença em sua trajetória empresarial é nítida, na avaliação de Verinaldo. Ele conta que a primeira loja aberta tinha cerca de 150 metros quadrados de área total e apenas dois funcionários. Hoje, com a franquia da Korin, o empresário conta com 13 funcionários e seu empreendimento ocupa uma área de aproximadamente 1.000 metros quadrados, onde estão distribuídos cerca de 2.500 itens, como produtos orgânicos, vegetarianos, light, diet, alimentos funcionais, frangos, carnes livres de antibióticos, entre outros. “O meu crescimento é superior a 800% e o Sebrae foi fundamental para isso, me proporcionando capacitações e ampliando a minha visão de mercado”, explica.

A visão de mercado de Verinaldo tornou-se tão apurada que atualmente o empresário não faz com que alimentos orgânicos cheguem apenas às mesas dos brasilienses, mas também ajuda a abastecer com alimentos de qualidade milhares de lares nos estados de Goiás e Tocantins.

Unidade Korin em Brasília
Endereço:  SCRN 714/715 Bloco G – Loja 40 e 50 – Asa Norte
Contato: (61) 3347 7725 (61) 9 9134 0535
Site: www.korinbrasilia.com.br
Redes sociais: @lojakorin_asanorte, no Instagram

Reportar Erro