Mais Lidas

Democracia após apagão

Em Macapá, Josiel Alcolumbre larga na frente e disputa 2º turno contra Dr. Furlan

Irmão do presidente do Senado teve 29,47% dos votos, contra 16,03% de médico deputado

acessibilidade:

Adiado pelo blecaute que atinge o estado do Amapá, o encontro dos eleitores com as urnas em Macapá, neste domingo (6), resultou na liderança do empresário e jornalista Josiel Alcolumbre (DEM) na disputa pelo mandato de prefeito, no 2º turno previsto para o próximo dia 20. Após acirrada disputa pela segunda colocação, quem garantiu vaga na etapa final do pleito foi o deputado estadual Antônio de Oliveira Furlan, o “Dr. Furlan” (Cidadania).

Com uma diferença de 13,44 pontos percentuais para seu adversário, o irmão do presidente do Senado Davi Alcolumbre obteve 59.511 votos (29,47% dos votos válidos). E Dr. Furlan recebeu 32.369 votos (16,03%).

Na maior parte da apuração, o candidato do Cidadania parecia que perderia espaço no 2º turno para o ex-senador João Capiberibe, o “Capi” (PSB), que ocupava a segunda colocação até a reta final da contagem dos votos. Mas Capi concluiu a apuração com 30.160 votos (14.94%).

Com 47 anos de idade, Josiel tem o apoio do atual prefeito Clécio Luis Vieira (sem partido) e tem como vice a enfermeira e ex-secretária Municipal de Saúde, Silvana Vedovelli (Avante). Primeiro suplente do irmão senador eleito em 2014, Josiel disputa pela primeira vez um cargo público como titular. De família marroquina, é filiado ao Democratas desde 2010.

Dr. Furlan também tem 47 anos e é natural de San Jose, na Costa Rica. Ele disputa o cargo de prefeito pela primeira vez, após conquistar uma vaga na Assembleia Legislativa do Amapá em 2010, sendo reeleito em 2014 e 2018.

Veja os números finais da apuração, divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE):