Mais Lidas

Pesquisa Datafolha

Eduardo Paes registra 29% das intenções de votos válidos no RJ sem Garotinho

Senador Romário aparece sendo o favorito para chegar ao segundo turno contra Paes

acessibilidade:
O senador Romário (Podemos) aparece com 19% das intenções de votos válidos

O ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) tem 29% das intenções de votos válidos ao governo do Rio de Janeiro no cenário sem a presença de Anthony Garotinho (PRP), segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira (3) pelo Datafolha. É a primeira vez que o instituto simula o cenário sem  ex-governador.

A três dias para a eleição, o senador Romário (Podemos) aparece com 19% das intenções de votos válidos, sendo o favorito para chegar ao segundo turno contra o ex-prefeito nas atuais circunstâncias.

Para o cálculo dos votos válidos, são desconsiderados os brancos e nulos , que nessa pesquisa chegaram a 13%- e os eleitores que se declararam indecisos -5% neste levantamento.

Vence no primeiro turno o candidato que superar 50% dos votos válidos. Caso isso não ocorra, os dois primeiros disputam o segundo.

Garotinho, que vinha empatado tecnicamente com o ex-jogador nas pesquisas anteriores, teve a candidatura indeferida no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e a campanha interrompida. Ele ainda recorre para tentar reverter a decisão. Seu nome permanecerá na urna eletrônica, mas os votos dados a ele serão considerados nulos.

O Datafolha também testou um cenário com o nome de Garotinho, considerando a sua escolha como voto nulo. Neste caso, Paes alcança 32% e Romário, 18%.

Num terceiro pelotão no cenário sem Garotinho estão Índio da Costa (PSD), com 12% dos votos válidos, seguido de Wilson Witzel (PSC) eTarcísio Motta (PSOL), ambos com 11%, Pedro Fernandes (PDT), com 7%, Márcia Tiburi (PT), com 6%, e Marcelo Trindade (Novo), com 2%. André Monteiro (PRTB) e Dayse Oliveira (PSTU) aparecem com 1% e Luiz Eugênio (PCO) não pontuou. Eles apresentam patamares semelhantes no cenário com Garotinho.

A simulação entre segundo turno entre Paes e Romário mostra vantagem do ex-prefeito. Ele tem 44% das intenções de voto contra 31% do ex-jogador. Neste cenário, 23% afirmaram que votariam nulo e 1% se disse indeciso.

O Datafolha entrevistou 1.542 eleitores entre quarta-feira (4) e quinta (5) e foi registrada sob o número RJ-02155/2018. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou menos. O nível de confiança é de 95%.

Paes tem seus melhores resultados na capital, que governou por oito anos, e entre eleitores com maior renda e escolaridade. Romário tem um perfil invertido em relação ao adversário: seu eleitorado é maior em municípios da região metropolitana, fora o Rio de Janeiro, com perfil de menor renda e escolaridade.(Folhapress)