CBF se manifesta

Ministro do esporte pede a paralisação de jogos de futebol no país

O ministro baseia seu pedido em razão das enchentes que assolam o estado do Rio Grande do Sul.

acessibilidade:
Deputado André Fufuca (PP-MA). Foto: Agência Câmara
Ministro dos Esportes, André Fufuca (PP-MA). (Foto: Agência Câmara).

O ministro do esporte, André Fufuca (PP-MA) formalizou o pedido à CBF que pede a paralisação temporária dos jogos das divisões masculinas e femininas do país.

O ofício, assinado por André ‘Fufuca’, Ministro do Esporte, expõe os cinco principais pontos que fazem o Governo Federal pedir a paralisação do futebol brasileiro por conta do Estado de Calamidade Pública decretado pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

“Diante do cenário de calamidade pública e das severas consequências das enchentes para a população do Rio Grande do Sul, defenderemos junto à CBF a suspensão temporária dos Campeonatos Brasileiros de Futebol masculino e feminino”, disse Fufuca, em entrevista à ESPN.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) se manifestou e segundo declarou que será convocado o Conselho Técnico para analisar o pedido, e a decisão final será tomada pelos próprios clubes.

“No momento, estamos sintonizados diretamente através dos clubes do Rio Grande do Sul e sua Federação. Aquilo que foi solicitado dos clubes, a CBF atendeu integralmente, que foi o adiamento da competição até o dia 27 de maio. Tudo que acontecer daqui pra frente, teremos que conversar com os clubes e com todas as divisões do futebol”, disse Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF.

Até o momento, a CBF suspendeu os jogos dos times gaúchos. Na série A, Grêmio, Internacional e Juventude são os times que disputam a competição.