Ajuda adiada

Governo adia liberação da linha de crédito de R$ 15 bilhões destinada ao Rio Grande do Sul

Os recursos serão disponibilizados na próxima segunda-feira (24)

acessibilidade:

O Governo Federal adiou a liberação da linha de crédito de R$ 15 bilhões destinada ao Rio Grande do Sul. Os recursos serão disponibilizados na próxima segunda-feira (24).

O ministro Extraordinário para a reconstrução do RS, Paulo Pimenta, fez o anúncio na quinta-feira (20),  “São ajustes necessários para garantir a efetividade do programa. Um pequeno ajuste. Será uma questão de dias”.

Somente empresas localizadas na área afetada podem solicitar os empréstimos. As pessoas jurídicas devem procurar as cerca de 40 instituições financeiras habilitadas no RS que atuam com recursos do BNDES Emergencial.

Banrisul, Badesul desenvolvimento, Bradesco, Banco Safra e as cooperativas de crédito Sicredi e Cresol. Os juros variam de 7% a 12% ao ano nessas operações e os bancos assumem o risco de inadimplência.