MS em Brasília

Ex-juiz que virou filme defende chefão do tráfico na fronteira com o Paraguai

Aposentado desde 2017 e hoje atuando como advogado, Odilon de Oliveira ficou conhecido por enfrentar facções criminosas

acessibilidade:
Quando era juiz, Odilon de Oliveira se protegia contra faccões criminosas, hoje defende um dos integrantes. (Foto:Arq./divulgação)

Juiz federal aposentado desde 2017, Odilon de Oliveira é advogado do empresário Hermógenes Aparecido Mendes Filho, 49 anos, apontado como substituto de liderança da facção criminosa Comando Vermelho, na fronteira do Brasil com o Paraguai, em Ponta Porã (MS).

O escritório do ex-magistrado passou a fazer a defesa do traficante, que virou réu após a Operação Sanctus, deflagrada em dezembro de 2023 pela Polícia Federal para desmontar esquema internacional de tráfico de cocaína.

Em uma década, Hermógenes teve evolução financeira extraordinária, passando de dono de açougue de bairro a empresário de sucesso em Dourados, distante 230 quilômetros da capital Campo Grande.

Leia mais em MSemBrasília, parceiro do Diário do Poder.