Fuga vexatória

Em visita a Mossoró, Lewandowski diz que fugitivos estariam ‘cercados’

Bandidos Rogério Mendonça e Deibson Nascimento estão livres há um mês

acessibilidade:
Ricardo Lewandowski, ministro da Justiça e Segurança Pública, - Foto: reprodução redes sociais.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, disse nesta quarta-feira (13), que os dois fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró (RN) estão cercados em perímetro “amplo” e “variável” próximo à Baraúna, cidade na divisa do Rio Grande do Norte com o Ceará. 

As buscas por Rogério Mendonça e Deibson Nascimento completam 1 mês nesta quinta-feira (14). Apesar do tempo, Lewandowski avalia que a operação de recaptura tem “se desenvolvido com êxito”. 

Lewandowski chegou a Mossoró (RN), nesta manhã para acompanhar as buscas. O ministro deu declaração à imprensa depois da reunião com as forças de segurança empenhadas na operação. 

Segundo o ministro, há indícios que os fugitivos se locomoveram de carro durante um trajeto e informou que dois veículos suspeitos de terem sido utilizados pelos detentos foram apreendidos. 

Reportar Erro