Pausa para festejar

Senado suspende sabatina dos novos diretores do Banco Central

Segundo o senador Randolfe Rodrigues, os parlamentares decidiram adiar a sessão para celebrar as festas juninas em seus respectivos Estados

acessibilidade:
Senado Federal aprova reajuste salarial da PCDF, PMDF e CBMDF. (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado).

O Senado adiou nesta quinta-feira (22) a sabatina dos indicados para a Diretoria de Política Monetária e Diretoria de Fiscalização do Banco Central, Gabriel Galípolo e Ailton Aquino. 

De acordo com o presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE), o senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO), a Casa Alta optou por adiar a sabatina dos nomes indicados pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na quarta-feira (21).

A apreciação dos nomes estava prevista para a próxima terça-feira (27). No entanto, segundo o líder do governo Lula na Casa, senador Randolfe Rodrigues (sem partido-AP), os parlamentares querem aproveitar as comemorações de festas juninas em seus respectivos Estados.

“Estava prevista a apreciação das autoridades para o Banco Central, mas iremos medir o pulso para ver se não é mais adequado fazer a sabatina na semana seguinte”, afirmou. “É uma semana em que a Câmara deverá inclusive voltar a apreciar a própria regra fiscal e onde poderemos ter uma sessão do Congresso Nacional para apreciar projetos que estão pendentes.”

Indicado para a Diretoria de Política Monetária, Gabriel Galípolo era secretário-executivo do Ministério da Fazenda. Já Ailton Aquino dos Santos, indicado para a Diretoria de Fiscalização pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, é auditor-chefe no Banco Central há mais de 25 anos e já atuou como chefe do Departamento de Contabilidade, Orçamento e Execução Financeira da instituição.

Reportar Erro