16 a 21 de maio

TSE marca data do julgamento que pode resultar na cassação de Moro

A corte vai julgar recursos do PL e PT contra a decisão do TRE do Paraná, que rejeitou a cassação do senador

acessibilidade:
Senador Sergio Moro (União-PR). (Foto: Agência Senado).

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) marcou para as sessões dos dias 16 e 21 deste mês o julgamento dos recursos que pedem a cassação do mandato do senador Sergio Moro (União-PR).

A corte vai julgar recursos do PL e do PT contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná, que rejeitou a cassação do senador.

As siglas alegam que Moro praticou abuso de poder econômico, caixa 2 e uso indevido dos meios de comunicação na pré-campanha das eleições de 2022.

Absolvição no TRE

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) absolveu o senador da acusação no dia 9 de abril por 5 votos contrários a cassação do mandato do parlamentar e apenas 2 favoráveis a cassação.