Sorteio

Morador do DF compra de R$22,87 e ganha R$500 mil do Nota Legal

GDF distribui R$3 milhões em 12.600 prêmios em sorteio no Palácio do Buriti

acessibilidade:
O Governo do Distrito Federal (GDF) distribuiu R$ 3 milhões em 12.600 prêmios no sorteio realizado nesta sexta Foto: Geovana Albuquerque/Agência Brasília

Morador do Sudoeste que realizou uma compra no valor de R$ 22,87, na Raia Drogasil, foi o vencedor do prêmio principal de R$ 500 mil do segundo sorteio do programa Nota Legal em 2022. O Governo do Distrito Federal (GDF) distribuiu R$ 3 milhões em 12.600 prêmios no sorteio realizado nesta sexta-feira (23) no Palácio do Buriti, com transmissão ao vivo pelo YouTube.

Outros dois consumidores vão passar o ano novo comemorando por terem sido sorteados com o prêmio de R$ 200 mil, sendo os contemplados moradores de São Sebastião e Cruzeiro Velho. Dois outros moradores de Águas Claras e um de Taguatinga Norte ganharam o prêmio de R$ 100 mil. Os quatro prêmios de R$ 50 mil foram para o Park Way, Itapoã, Samambaia Sul e Asa Norte. Há ainda dez prêmios de R$ 10 mil, 30 prêmios de R$ 5 mil, 50 prêmios de R$ 1 mil, 500 prêmios de R$ 200 e 12 mil prêmios de R$ 100.

No total, 52.706.421 bilhetes foram gerados nesta 10ª edição do sorteio, um aumento de 3% em relação ao sorteio realizado em junho. Os participantes cadastrados no programa já podem acessar o site do Nota Legal e verificar se foram premiados nesta edição do sorteio. Ao abrir a área restrita do site do Nota Legal, surgirá um pop-up indicando se ele foi ou não um dos vencedores do prêmio.

A Secretaria de Fazenda do DF também enviará mensagem para os vencedores pelo e-mail cadastrado no portal Nota Legal, com a informação do prêmio e a orientação para acessar o portal e fazer a indicação dos dados bancários.

O secretário de Fazenda, Itamar Feitosa, ressaltou a importância do Programa como indutor de educação fiscal. “Além dos benefícios gerados para o incremento na arrecadação, percebemos que a premiação é um importante instrumento de educação fiscal e participação cidadã. Um fisco fortalecido e eficiente é de extrema importância para a realização de ações para o Distrito Federal”, disse.

Os participantes sorteados devem indicar sua conta corrente, poupança ou conta digital para resgatar seus prêmios. O pagamento será feito em três lotes, sendo o primeiro para quem indicar a conta até o dia 10 de janeiro. Estes receberão os valores até o final do mês de fevereiro de 2023. O segundo lote, para aqueles que indicarem as contas até o dia 31 de março, receberão até o final de maio e o último lote, com aqueles que indicarem até o dia 21 de abril, deverão receber os valores até o final de agosto.

Realizado com o apoio da Subsecretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Sutic), da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), o sorteio contou com a presença do secretário-executivo de Fazenda, Florisberto Fernandes, do subsecretário da Receita, Sebastião Melchior, e do ouvidor da Sefaz, Marco Antônio Feitosa Machado.