Mais Lidas

mais segurança

DF apresenta queda em casos de estupro de vulneráveis, aponta Ministério Público

A lista de crimes que apresenta queda na capital inclui ainda maus tratos, assédio sexual e tráfico de pessoas

acessibilidade:
Em 2020, o DF teve 5% menos casos de abusos contra vulneráveis, incluindo estupro e maus tratos. Foto: Agência Brasil

O Distrito Federal registrou cerca de quatro casos de estupro de vulnerável por dia no último ano, segundo dados do Ministério Público do DF (MPDFT). Foram 1.517 processos referentes ao crime, 269 deles contra crianças e adolescentes.

Além dos casos de estupro, em2020 a capital teve 3.908 crimes contra a dignidade sexual ou de maus tratos, dos quais 356 foram cometidos contra menores de idade. Este número representa uma queda de 5% em relação a 2019, quando 4.114 casos foram registrados.

Dentre os crimes que perceberam queda incluem-se com destaque: estupro; estupro de vulnerável; corrupção de menores; assédio sexual; favorecimento da prostituição; tráfico internacional e interno de pessoas; importunação sexual e maus tratos.