Praça restaurada

Brasília: Praça dos Três Poderes vai passar por reforma

O edital foi publicado nesta segunda-feira (22)

acessibilidade:
Primeira etapa do projeto de recuperação da Praça dos Três Poderes tem edital publicado. (Foto: Ag. Brasília)

Reconhecida como Patrimônio Mundial pela Unesco desde 1987  e um dos pontos turísticos mais conhecidos de Brasília, a Praça dos Três Poderes, será restaurada.

Com o custo inicial de R$ 933 mil, de acordo com o edital publicado pelo Ministério do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), órgão ligado ao Ministério da Cultura.

O edital publicado nesta segunda-feira (22) prevê piso novo, recuperação de pedras portuguesas, restauro das obras de arte e do Museu Histórico da Cidade.

O presidente do Iphan, Leandro Grass, explica que a previsão é de que o projeto de restauro vencedor seja concluído até fevereiro de 2025. A proposta de restauração deve incluir a recuperação de estruturas e espaços comprometidos, o restauro de obras desgastadas, a instalação e a substituição de câmeras, placas de sinalização e iluminação, além de tornar o local acessível para pessoas com deficiência. Após essa etapa, o governo do Distrito Federal fará a licitação de contratação da construtora que ficará responsável pela obra.

A Praça dos Três Poderes faz parte do projeto original de Brasília, elaborada por Oscar Niemeyer e Lucio Costa. O espaço está localizado entre o Palácio do Planalto, sede do Poder Executivo; o edifício do Supremo Tribunal Federal (STF), Corte máxima do Poder Judiciário, e o Congresso Nacional, sede do Poder Legislativo Federal.

Reportar Erro