Mais Lidas

Mercado de trabalho

DF registra redução na taxa de desemprego entre abril e maio deste ano

Queda de 0,5% representa a criação de 16 mil postos de trabalho no DF em maio

acessibilidade:
Carteira de trabalho. Foto: Agência Brasil

A taxa de desemprego do Distrito Federal diminuiu de 19,9% para 19,4% entre abril e maio deste ano. O resultado representa a criação de 16 mil postos de trabalho no DF em maio, de acordo com Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), divulgada nesta terça (25).

O estudo aponta que o número de desempregados em maio foi de 331 mil pessoas — 6 mil a menos que no mês anterior. Esse resultado é a diferença entre os postos de trabalho criados e o crescimento da População Economicamente Ativa (PEA). Por isso, apesar dos 16 mil novos postos de trabalho, o total contabiliza as 10 mil pessoas que entraram no mercado de trabalho.

A queda na taxa de desemprego foi maior nas regiões de baixa renda. No grupo composto por cidades como Fercal, Itapoã, Paranoá, Recanto das Emas, SCIA, Estrutural e Varjão, o índice de desempregados diminuiu de 25,8% para 24%.

Em relação ao mesmo período de 2018, o número de desempregados aumento em 11 mil pessoas, resultado da expansão do nível de ocupação (mais 49 mil ocupados) em número inferior ao crescimento da PEA (mais 60 mil pessoas).

O estudo é uma parceria da Secretaria de Trabalho (Setrab), com a Companhia de Planejamento (Codeplan) e com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos. (Com informações da Agência Brasília)