prisão domiciliar

Deputado federal Daniel Silveira deixa presídio em Niterói

Ele está proibido de acessar redes sociais e manter contato com investigados do inquérito das fake news

acessibilidade:
O ex-parlamentar foi detido por agentes da Polícia Federal em sua casa Foto: Reprodução TV Globo

Por volta das 11h30, desta terça-feira (9), o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) deixou o presídio em Niterói. A soltura foi determinada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal nesta segunda-feira (8).

A determinação de Moraes proíbe, no entanto, que Daniel mantenha contato com outros investigados no inquérito das fake news e vedou o acesso do deputado em qualquer rede social, seja em nome próprio, de sua assessoria ou em conta de terceiros.

Daniel estava preso desde junho, mas já havia ficado detido em março, devido à divulgação de um vídeo no qual insulta os ministros do STF e supostamente representa uma ameaça à democracia e harmonia entre os Poderes.

Reportar Erro