Cepea

Demanda por laranjas está fraca, mas baixa oferta mantém preços altos

Enquanto a demanda por laranjas diminui, a procura pela tangerina poncã se mantém firme no mercado

acessibilidade:
Os dados foram divulgados pelo Cepea. (Foto: Pixabay).

Com a chegada de temperaturas mais baixas, é observado uma diminuição na demanda por laranjas. Essa tendência foi relatada por colaboradores consultados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Apesar da demanda enfraquecida, os preços da laranja no mercado in natura continuam altos. Isso se deve à oferta limitada da fruta e aos preços elevados praticados pela indústria.

Na parcial desta semana, que compreende de segunda a quinta-feira (13), o preço médio da laranja pera na árvore alcançou R$ 84,60 por caixa de 40,8 kg. Isso representa um aumento de 0,88% em relação ao período anterior.

Enquanto a demanda por laranjas diminui, a procura pela tangerina poncã se mantém firme no mercado.

Nesta semana, a tangerina poncã está sendo comercializada à média de R$ 63,39 por caixa de 27 kg, na árvore, o que representa uma pequena queda de 1,46% em comparação com a semana anterior.