Pena histórica

Vini Jr. exalta condenação de racistas na Espanha: ‘É por todos os pretos’

Craque do Real Madrid lembrou que não é vitima de racismo, mas algoz de racistas, ao celebrar pena de prisão para os três criminosos

acessibilidade:
Vinicius Junior reclama de racismo por parte da torcida do Valencia. Foto: Getty Images

O craque brasileiro do Real Madrid, Vinícius Júnior, celebrou a decisão histórica da Justiça da Espanha de condenar a oito meses de prisão três torcedores do Valência que lhe fizeram insultos racistas durante uma partida de futebol, em maio de 2023. A decisão inédita divulgada nesta segunda (10) é resultado da reação combativa de Vini Jr. Mas o bicampeão da Champions League ressaltou não ser por ele que a justiça foi alcançada, mas por todos os pretos vítimas de racismo.

“Como sempre disse, não sou vítima de racismo. Eu sou algoz de racistas. Essa primeira condenação penal da história da Espanha não é por mim. É por todos os pretos. Que os outros racistas tenham medo, vergonha e se escondam nas sombras. Caso contrário, estarei aqui para cobrar”, afirmou Vini, nas suas redes sociais.

A decisão foi divulgada pela La Liga, responsável pelo Campeonato Espanhol de futebol, que destacou a punição dos réus considerados culpados por crime contra a integridade moral, com agravante de discriminação por motivos racistas.

Mesmo agradecendo à La Liga a ao seu clube, Vini Jr. lembrou das resistências que sofreu por decidir reagir e combater o racismo que é naturalizado pela cultura espanhola. “Muitos pediram para que eu ignorasse, outros tantos disseram que minha luta era em vão e que eu deveria apenas ‘jogar futebol'”, disse o brasileiro, ao prever mais golaços contra racistas no futuro.

A La Liga informou que os réus chegaram a ler uma carta em que pedem desculpas a Vinicius Jr. e ao Real Madrid, durante audiência do julgamento. Além da pena de prisão, os três condenados pagarão os custos do processo e ficarão banidos por dois anos de estádios que receberem jogos organizados pela La Liga ou pela Real Federação Espanhola de Futebol.