Salário inicial de R$ 13,9 mil

STJ divulga detalhes de seu próximo concurso para cargo de até R$ 21 mil

Certame terá como banca o Cebraspe e ainda não tem data para realização das provas, com edital previsto para o 2º semestre

acessibilidade:
Sede do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília. Foto: Wikimedia Commons

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) divulgou, nesta quinta (13), detalhes sobre seu próximo concurso público para formação de cadastro de reserva para cargos de analista judiciário. E anunciou que o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) será a banca organizadora do certame, que ainda não tem definida a data para aplicação das provas, para os cargos que atualmente paga salários de R$ 13,9 mil a R$ 21 mil.

O concurso será realizado no Distrito Federal, em etapa única de caráter eliminatório e classificatório, com provas objetivas e discursivas para todos os cargos, além de teste de aptidão física (TAF) específico para os candidatos ao cargo de analista judiciário na especialidade inspetor de polícia judicial.

Seis anos desde a realização do último concurso, vencido em fevereiro, o STJ afirmou ter optado por não contemplar o cargo de técnico judiciário, porque a Lei 14.456/2022 alterou para nível superior o requisito de ingresso para esse cargo, que está em fase de adequação à nova exigência. “Futuramente, serão desenvolvidos estudos para a realização de concurso exclusivo para técnico judiciário”, antecipou.

O STJ prevê que o edital de abertura do concurso será publicado no segundo semestre deste ano, com outras informações sobre o certame. Mas adianta que haverá reserva de vagas, observando as cotas obrigatórias estabelecidas na legislação.

Veja as áreas e especialidades que o novo concurso contemplará, para o cargo de analista judiciário:

Área administrativa:

  • Sem especialidade
  • Inspetor de polícia judicial

Área apoio especializado:

  • Análise de sistemas de informação
  • Arquitetura
  • Biblioteconomia
  • Comunicação social
  • Contadoria
  • Enfermagem
  • Engenharia civil
  • Engenharia elétrica
  • Engenharia mecânica
  • Medicina – ramo cardiologia
  • Medicina – ramo clínica geral
  • Medicina – ramo ortopedia
  • Odontologia – ramo dentística restauradora
  • Pedagogia
  • Psicologia
  • Suporte em tecnologia da informação

Área judiciária:

  • Sem especialidade

(Com STJ)