Susto no Palácio

‘Invasor do Alvorada’ era só um bêbado que errou o caminho

Motorista que fugiu diante da residência oficial de Lula depôs à PF, fez exames e foi liberado

acessibilidade:
Veículo de invasor do Palácio da Alvorada foi periciado pela Polícia Federal (Foto: Divulgação PF)

O caso que chegou a ser tratado como tentativa de invasão à residência oficial do presidente Lula (PT), na manhã de ontem (24), levou a Polícia Federal a prender o motorista, que fugiu dirigindo bêbado, após ter pneus furados ao ignorar advertência da equipe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e do Exército.

Em depoimento à PF, o homem alegou que dirigia bêbado e entrou na área de segurança do Palácio da Alvorada, porque errou o caminho de volta para sua casa, localizada em um dos condomínios do Setor de Hotéis e Turismo Norte, às margens do Lago Paranoá.

Lula e a primeira-dama Janja estavam em casa, no momento em que o motorista acelerou seu veículo Focus, desde as proximidades do Palácio do Jaburu, em direção ao Alvorada. Os pneus foram furados por uma “cama de faquir”, que é uma estrutura com pontas de metal usada como barreira para conter invasores.

A PF informou que o veículo usado na tentativa de invasão foi apreendido. E as investigações seguem, após perícias no automóvel e no local da ocorrência.

Reportar Erro