Eleições 2022

Doria promete ‘descentralizar recursos’ para municípios e prefeitos aplaudem

Ex-governador participou da Marcha dos Prefeitos, nesta quarta

acessibilidade:
João Doria (PSDB) na Marcha dos Prefeitos

O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) participou, nesta quarta-feira (27), da Marcha do Prefeitos, evento que reúne mais de 6 mil gestores públicos muncipais, entre prefeitos, vices e secretários.

O pré-candidato tucano a presidente da República disse que “a luta tem que ser conjunta pela recuperação do Brasil” e defendeu o pacto federativo e o fortalecimento dos municípios.

“Não é possível seguir numa escalada onde o governo federal aumenta o número de demandas aos municípios e recua nos recursos destinados a eles. Comigo será diferente. Os recursos serão descentralizados e estará na ponta, nos municípios”, prometeu Doria.

Tido como um dos principais nomes da “terceira via” na disputa presidencial, Doria acabou aplaudido de pé pelos presentes após tratar da descentralização dos recursos da União para os municípios. “Não é possível que cidades do país não tenha saneamento. Isso é um risco à saúde dos brasileiros”, alertou. “Onde não puder ter investimento privado tem que ter investimento público sim”, defendeu o pré-candidato do PSDB.

O tucano, que já foi prefeito de São Paulo, disse caso seja eleito presidente fará uma gestão participativa, com reuniões mensais com representantes dos executivos municipais. “O prefeito é o zelador da cidade, precisa estar presente ou representado nas decisões do governo federal”, garantiu.

João Doria também defendeu a união dos brasileiros: “O Brasil não é esquerda nem direita, é uma linha reta para prosperidade e esperança de um futuro melhor”, concluiu.

Reportar Erro