Mais Lidas

Preços abusivos

Caminhoneiros ainda bloqueiam rodovias no entorno do Distrito Federal

Entre os reflexos dos atos, cancelamento de voos por contenção de combustível

acessibilidade:

Os protestos de caminhoneiros contra os preços abusivos do diesel e da gasolina continuam nas rodovias que cortam o Distrito Federal. E os reflexos dos bloqueios começam a aparecer, como a contenção de combustível para aeronaves, por parte da Inframerica, concessionária que administra o Aeroporto Internacional de Brasília – Presidente Juscelino Kubitschek.

Os bloqueios ocorrem nas rodovias, BR 040, BR 020, BR 060, BR 070, segundo informações da assessoria de imprensa da Polícia Rodoviária Federal (PRF) não há previsão de liberação das vias, as paralisações são pacíficas e “não há qualquer problema quanto à circulação dos demais veículos, incluindo veículos de carga com produtos perecíveis”.

No segundo dia de protestos, os reflexos já começam a aparecer, a Inframerica informou em sua página do Twitter que “Devido aos protestos, os caminhoneiros de transporte de combustível de aviação enfrentam dificuldades para chegar ao Aeroporto de Brasília. No momento, nossas reservas estão restritas. As Cia. Aérea  já foram notificadas e estamos trabalhando em conjunto para otimizar as operações”.

Hoje três voos para Brasília foram cancelados, as aeronaves viriam de Belo Horizonte, São Paulo e Santos Dumont, o motivo foi a incerteza de que os aviões seriam abastecidos, o que impediria a volta das tripulações ainda hoje. Entretanto, a concessionária nega que os cancelamentos tenham ocorrido por falta de abastecimento.

Os caminhões que transportam o querosene de aviação para o Aeroporto JK estão parados na BR 040, na altura de Cristalina.

Reportar Erro