Ajuda providencial

BRB beneficia mais de 5.600 clientes suspendendo pagamento de linhas de crédito

Benefício faz parte do Supera-DF, que destina R$1 bilhão para empresas de todos os portes e segmentos

acessibilidade:
Entrada principal dq sede do BRB, o Banco de Brasília- Foto: Agência Brasília.

Mais de 5.600 clientes do BRB já foram atendidos com a suspensão, por até 90 dias, dos pagamentos das operações de crédito.

O benefício faz parte do Supera-DF, amplo programa lançado pelo BRB para ajudar pessoas físicas e jurídicas a minimizar os impactos financeiros da crise provocada pela pandemia do Covid-19.

O Supera-DF prevê, além da suspensão por três meses dos pagamentos de quaisquer operações de crédito, inclusive as modalidades consignado e financiamento imobiliário, a liberação de R$1 bilhão para atender empresas de todos os portes e segmentos.

“Mais de R$ 420 milhões em operações tiveram parcelas suspensas por meio das solicitações dos clientes, entre pessoas físicas e jurídicas. Isso revela o empenho com que BRB tem atuado para colaborar, como Banco do DF, com a economia da nossa região”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

O Supera-DF foi lançado há pouco mais de 20 dias e já liberou R$ 361 milhões para empresas de diferentes portes e setores do Distrito Federal.