Recuo após repercussão

Bolsonaro anula decretos que revogavam luto oficial

Presidente anunciou por meio das redes sociais a decisão tomada após apelo popular

acessibilidade:
Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro - Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasília.

O presidente Jair Bolsonaro anunciou ontem (29), por meio de suas redes sociais, que decidiu anular os atos em que revogava decretos de luto oficial editados em seu governo e por antecessores. 

“Tendo em vista o apelo popular para que todos esses Decretos permanecessem vigentes, em respeito à história e à memória dos falecidos, tornarei sem efeito as revogações dos 122 atos, independente do governo que os decretou ou da personalidade homenageada”, justificou Jair Bolsonaro.

Entre os lutos oficiais, estavam os do ex-arcebispo emérito de Recife e Olinda dom Helder Câmara, do ex-governador Rio de Janeiro Leonel Brizola e do sociólogo Darcy Ribeiro. (Com informações da Agência Brasil)

Reportar Erro