Mais Lidas

Recado para senador

Em Maceió, prefeito indica desafeto de Renan para vice de candidato apoiado por Renan Filho

Indicação de Tácio Melo soa como recado para senador e traz lembrança de conflitos

acessibilidade:
Tácio Melo com o prefeito Rui Palmeira em inauguração de terminal de ônibus em Maceió. Foto: Divulgação/Redes Sociais/Arquivo

A indicação do vice da chapa do ex-chefe do Ministério Público de Alagoas, Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB), para sucessão à Prefeitura de Maceió foi tão surpreendente tanto quanto a união do governador de Alagoas Renan Filho (MDB) com seu ex-grande rival das últimas eleições, o prefeito Rui Palmeira. O ex-tucano que já não pode se reeleger para chefiar o Executivo da capital alagoana confirmou hoje (3) que indicou para vice da chapa o presidente do Podemos de Alagoas, Tácio Melo da Silveira, um desafeto do senador Renan Calheiros (MDB-AL). Soou como um recado.

Quando seu grupo político foi derrotado nas eleições municipais de 2016, o pai do governador e então presidente do Senado foi hostilizado publicamente por Tácio Melo, que divulgou filmagem em que gritava “chupa Renan”, diante do prédio em que mora o senador. Há cerca de duas semanas, Tácio começou a cumprir agendas de pré-campanha ao lado de Alfredo Gaspar, como a de sábado (1º), em visita à Grota Eldorado, no bairro do Feitosa.

À época, Tácio Melo tripudiava sobre Renan não apenas pelo vexame imposto pela vitória de Rui sobre o então candidato do MDB dos Calheiros, o ex-prefeito Cícero Almeida, o “Ciço”, recordista de votos para prefeito de Maceió. O indicado para vice da chapa que uniu rivais hostilizou Renan por ter frustrada sua ascensão política em 2016, quando não conseguiu disputar o cargo de vereador pelo Solidariedade, porque o comando do partido na capital alagoana foi tomado após uma manobra política do senador.

Além disso, depois de reagir com uma nota destemperada à reeleição de Rui Palmeira, o então presidente do Senado vetou a indicação de Tácio Melo da Silveira, ex-superintendente de Transporte e Trânsito de Maceió, para assumir a Direção Nacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A indicação do policial rodoviário federal Tacio Melo para o comando nacional da PRF foi de seu colega de instituição, o senador José Medeiros (Podemos-MT). E, naquele mês de novembro de 2016, já havia passado pelo crivo dos então ministros Geddel Vieira, chefe da Secretaria de Governo de Michel Temer (MDB); e Eliseu Padilha, da Casa Civil.

Alfredo Gaspar com Tácio Melo em agenda política em grota da periferia de Maceió. Foto: Instagram

Expectativa e recado

A confirmação do indicado de Rui Palmeira para vice de Alfredo Gaspar foi feita durante entrevista ao jornalista Flávio Gomes de Barros, da TV Mar. Ela põe fim a uma expectativa de mais de cinco meses desde o anúncio da aliança entre o prefeito de Maceió e o governador de Alagoas.

Mas a escolha de Tácio Melo traz outra possibilidade de desdobramentos, por representar um recado claro para o senador Renan Calheiros. A mensagem, mesmo que incidental, é de que Rui Palmeira tenta manter, mesmo que paradoxalmente, seu distanciamento do ex-presidente do Senado, sinalizando que não esqueceu da nota pública de Renan, em 2016, que atacou o prefeito reeleito acusando-o de ser “arrogante, presunçoso, deslumbrado e invejoso”.

Pela sintonia entre Alfredo e Tácio, a indicação não precisa do aval de mais ninguém para vingar. Mas somente o tempo dirá se o senador Renan Calheiros superou os conflitos com seus principais desafetos em Alagoas, em nome de ganhos políticos futuros garimpados pelo seu herdeiro político.

Vídeos Relacionados