Mais Lidas

Com toque de recolher

Alagoas entra na Fase Vermelha a partir de hoje, com 81% de UTIs para covid-19 ocupadas

Toque de recolher vai de 21h às 5h; bares fecham; praias e comércio não abrem de sábado a segunda

acessibilidade:
Mensagem de fé na periferia de Maceió (AL), durante a pandemia do novo coronavírus. Foto: Davi Soares

Com 81% das UTIs para covid-19 ocupadas, e casos e mortes em escalada na pandemia, Alagoas começa a aplicar a partir de hoje (19) as novas medidas restritivas determinadas pelo governador Renan Filho (MDB) para conter o ritmo de contaminação do novo coronavírus no estado. O decreto publicado na última terça (16) traz todo o estado de volta à Fase Vermelha do Plano de Distanciamento Social Controlado.

Com as novas regras, bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres só poderão funcionar na modalidade delivery e “pegue & leve”. A circulação de pessoas será no período de 21h as 5h. As medidas serão adotadas até o dia 30 de março e valem para todo o estado.

Pelo decreto, publicado na terça-feira (16) pelo governador Renan Filho, lojas comerciais localizadas no bairro do Centro funcionarão das 9h às 17h, de segunda a sexta-feira, “vedado o funcionamento no sábado, domingo e segunda-feira”. Lojas de rua e galerias funcionarão das 10h às 18h, de segunda a sexta-feira, vedado o funcionamento no sábado, domingo e segunda-feira. Shopping Centers funcionarão das 11h às 20h, proibido aos sábados, domingos e terças-feiras.

Os estabelecimentos como bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres que funcionem no interior de hotéis, pousadas e similares poderão abrir, desde que o atendimento seja feito exclusivamente aos hóspedes.

Já as academias, clubes e centros de ginásticas poderão funcionar com 30% de sua capacidade, somente de segunda a sexta-feira, e sob agendamento de horário, sendo vedada a entrada de pessoas acima de 60 anos e que possuam comorbidades.

Barbearias e salões de beleza ficam autorizadas a funcionar com 50% de sua capacidade e agendamento de horário, vedado o atendimento aos sábados e domingos. Não poderá haver filas no local.

O governo também adotou medidas restritivas relacionadas a espaços como praias, rios e orlas. Pelo decreto, fica proibido o acesso a esses locais, inclusive os calçadões para qualquer tipo de atividade, aos sábados e domingos.

O transporte turístico fica suspenso e transporte intermunicipal de passageiros deverá circular com 30% da sua capacidade.

As Centrais Já, do governo do estado seguirão o horário de funcionamento previsto no decreto. As unidades localizadas dentro de shoppings terão o funcionamento suspenso nos dias de terça-feira. Outras centrais seguirão o expediente estabelecido para o comércio e não irão ter atendimento ao público nas segundas-feiras.

O atendimento ao público será realizado mediante agendamento prévio, que deve ser efetuado pelo site. É obrigatório seguir os protocolos estabelecidos pela Secretaria de Estado da Saúde,  como uso obrigatório de máscara, higienização das mãos e manutenção do distanciamento social. (Com informações da Agência Brasil)

Vídeos Relacionados