Publicidade
João da Cruz Teixeira de Carvalho
Brasília / DF
Resposta
A deputada Luíza Erundina (PSB-SP), que participa da Subcomissão Memória, Verdade e Justiça da Câmara dos Deputados, explicou que a comissão foi criada para investigar e apurar os crimes políticos cometidos no período da ditadura. Erundina explicou ainda que a investigação sugerida foge do objetivo da comissão.
Mario Oliveira
Londrina / PA
Resposta
A assessoria de imprensa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), respondeu que são considerados empregados as pessoas que estão no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).  A assessoria explica que o Programa Bolsa Família é uma assistência do governo federal e não é considerado emprego.
Tereza Algódibom
Santaluz / BA
Resposta
Para o deputado líder do DEM, Ronaldo Caiado, os manifestantes saíram às ruas porque estavam irritados com a situação política atual do país. Caiado complementa que as manifestações partiram das redes sociais e não de partidos políticos de oposição ou do governo.
ricardo Antonio Ribeiro de Carvalho
recife / PE
Resposta
Apesar de ter assinado artigos no importante jornal estadunidense The New York Times, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva não domina a língua inglesa. Durante o mandato de Lula, a imprensa frequentemente o questionava sobre as dificuldades de um chefe de estado não dominar a principal língua internacional. Lula comparava seu caso ao do presidente Bill Clinton, duvidava que alguém já perguntou a Clinton se ele falava português. “Era eu, o subalterno, o colonizado, que tinha que falar inglês, e não Bill Clinton o português”, disse Lula em certa ocasião.
Raimundo aloizio Boaventura de Souza
Rio Branco / AC
Resposta
O deputado pastor Marco Feliciano opinou sobre a possibilidade:

“Tenho toda a fé que a presidenta Dilma possa se tornar evangélica e, oro por isso, sempre. Ela precisa mudar a opinião de querer matar criancinhas sendo favorável ao aborto. Se continuar agindo dessa forma a presidenta irá para o inferno. Caso se converta, ganhará o reino do céu.”
JOSE CARLOS BARRETO FONTES
ARACAJU / SE
Resposta
De acordo com o cientista político Paulo Kramer, nas democracias representativas, o exercício dos mandatos eletivos é considerado uma atividade totalmente voluntária, o que o distingue de uma profissão ou carreira, não se submetendo, portanto, às regras de aposentadoria etc. Nos três poderes, os únicos agentes públicos políticos, neste caso não eleitos, obrigados à aposentadoria por idade máxima são os ministros do STF. Por contraste, observe que, nos Estados Unidos, esses mandatos à Suprema Corte são vitalícios (o ministro só sai de lá morto, ou quando considerado física e mentalmente incapacitado, quando então é 'renunciado' à sua cadeira; claro que pode, também, renunciar a qualquer momento, por vontade própria).
Carmem Estela Nonato Aranha
Santa Isabel / SP
Resposta
Segundo o deputado líder da minoria, Nilson Leitão (PSDB – MT), a presidenta Dilma não joga a toalha porque ela continua lutando pelo poder. O deputado disse ainda que o governo está agindo apenas de acordo com o comprometimento partidário, visando as próximas eleições, mas não está preocupado com a gestão do país.
João da Cruz Teixeira de Carvalho
Brasília / DF
Resposta
O ex-presidente Lula sabe, como ninguém, que o sistema de saúde pública do Brasil foi talvez a principal herança maldita que ele recebeu dos governos anteriores, e a legou ainda pior à presidenta Dilma Rousseff. Não sem antes afirmar que o SUS tinha qualidade "de primeiro mundo". Lula não trata de sua doença no SUS porque suas chantes seriam bem mais reduzidas. Como alternativa ao Sirio Libanês, hospital das estrelas, ele só admite frequentar o centro espírita do medium João de Deus, em Abadiânia (GO).
ricardo Antonio Ribeiro de Carvalho
recife / PE
Resposta
O economista Nilton Marques, do Conselho Regional de Economia do DF (CRE-DF), já acredita em um calote público. Marques disse que “do ponto de vista de grandeza será muito difícil”. Segundo o economista, “é preciso saber quais foram as garantias ofertadas pelo empresário Eike Batista, já que pelas normas dos bancos é preciso ser feito um aporte de capital nessas transações”. Marques acrescenta que “o Banco Central tem que exigir a prestação de contas do BNDES, caso contrário isso se tornará em prejuízo público”.
Francisco Teles
Caldas Novas / GO
Resposta
Em atitude corporativista, a Câmara dos Deputados estabeleceu um padrão de tratamento que beneficia parlamentares bandidos. O deputado Natan Donadan (RO), por exemplo, está desde 2010 condenado a mais de treze anos de prisão por corrupção, mas seu processo de cassação de mandato somente foi iniciado após o Supremo Tribunal Federal considerá-lo ladrão transitado em julgado. Natan Donadan foi detido pela Polícia Federal em  junho deste ano. Apesar do parlamentar estar preso, a Câmara dos Deputados manteve o mandato de deputado federal em uma votação vergonhosa no fim de agosto. O mesmo se aplica aos quatro meliantes condenados no processo do mensalão, que continuarão exercendo o mandato até que o STF considere o julgamento efetivamente transitado em julgado e os meta na cadeia. A defesa dos condenados aposta em manobras protelatórias para reduzir o tempo de prisão ainda a cumprir.
TWITTER
@colunach

 
Busca
Redes sociais
@diariodopoder
© 1998 - 2017 - Todos os direitos reservados